Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

popless

by sofia

09
Nov16

O milagre do restauro | O Vasari ressuscitou!

Vasari-painting-before-restoration-620x240.jpg4826-laboratorio_pietre_dure_e_vasari.jpg

 

Em 1966, esta que é uma das obras mais majestosas de Giorgio Vasari, A Última Ceia, foi quase destruída com uma inundação em Florença. A pintura, com quase 6 metros de comprimento e 2,40 metros de altura, permaneceu submersa em água lamacenta e suja cerca de 12 horas e quando foi finalmente resgatada, os painéis de choupo-branco estavam encharcados como esponjas, e a tinta que os cobria, a desaparecer. 

 

 Last-Supper-Vasari_Santa-Croce_01-620x415.jpg

Painting-detail-620x582.jpg

Restoration-detail-01-620x480.jpg

Unveiling-ceremony-Vasari_atmosphere-620x413.jpg

 

Muitos entendidos e especialistas consideravam que não havia restauro possível para a peça mas estavam enganados. Como parte de uma iniciativa do Opificio delle Pietre Dure, um dos mais famosos laboratórios de restauro de Itália, do Museu J. Paul Getty de Los Angeles, da Proteção Civil Italiana e da PRADA, o "milagre" aconteceu. A Última Ceia foi restaurada e está de regresso à Basílica de Santa Cruz (Basilica di Santa Croce), em Florença.

"We were delighted to accept the invitation from the FAI (Fondo Ambiente Italiano, the Italian National Trust) to support, through the work of the Opificio delle Pietre Dure (Workshop of Semi-Precious Stones), the restoration, one might even say the rebirth, of a work as important as Giorgio Vasari’s Last Supper. We are therefore proud to have helped to return this extremely significant work to its original location in the refectory of the Opera di Santa Croce after 50 years, and to make it accessible to the public, who can once again admire it in all its beauty."

- Patrizio Bertelli, PRADA. 

 

Sobre mim

Pesquisar

Sigam-me

a inspiração

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Em destaque no SAPO Blogs
pub